• Domingo, 18 de Agosto de 2019

F 800 R está de cara nova e mais potente em 2015

09/01/2015 - 11:17 - Carlos Bazela / Agência INFOMOTO - FOTOS: Divulgação
Tamanho da fonte:   - +

O ano de 2015 é marcado por novidades para a BMW. Além de se aventurar pelo segmento crossover com a S 1000 XR, a marca alemã renovou a F 800 R, sua naked de média/alta cilindrada, que também está à venda no Brasil, onde é montada pelo sistema CKD na fábrica da Dafra em Manaus (AM). Atualizado, o modelo já está disponível na Europa e América do Norte e tem como principais mudanças o design mais jovial e os três cavalos a mais no motor. Tudo isso para atrair os pilotos que estão chegando agora ao guidão.

No visual, a F 800 R está bem diferente. A começar pelo farol, cujo tamanho maior e desenho triangular substitui a clássica peça da geração anterior. Com isso, pode se dizer que o modelo médio agora tem identidade própria e não mais aquela cara de “versão menor” da K 1300 R por conta do conjunto óptico assimétrico semelhante. Para completar o leque de atualizações estéticas, as aletas laterais do radiador foram redesenhadas e cada uma recebeu uma espécie de duto, que canaliza ar da frente da moto e ajuda na refrigeração do motor.

As mudanças no design ainda incluem o para-lama dianteiro, que recebeu linhas mais sóbrias e os protetores térmicos do escapamento. Já a rabeta continua igual, incluindo a lanterna traseira que também permanece inalterada. 

Mais cavalaria

A arquitetura do motor permanece a mesma: dois cilindros em linha de 798 cm³ arrefecido a líquido. Entretanto, o propulsor foi ajustado para render três cavalos a mais do que na F 800 R anterior e agora chega a 90 cv a 8.000 rpm, mas conserva o torque máximo de 8,46 kgf.m disponíveis nos 5.800 giros. O câmbio é de seis velocidades. A frenagem, por sua vez, continua sendo feita por dois discos dianteiros flutuantes de 320 mm de diâmetro com pinças radiais e disco único traseiro com diâmetro de 265 mm. O ABS é de série e atua nas duas rodas. 

No entanto, houve algumas mudanças na ciclística que a deixaram mais acessível e melhoraram seu comportamento. A suspensão dianteira, por exemplo, agora traz garfo invertido (upside-down), que responde melhor principalmente em pilotagens mais esportivas. Na traseira, permanece o monoamortecedor de ajuste manual na pré-carga e retorno. O curso de ambos os conjuntos é de 125 mm. 

O banco teve sua altura reduzida em 10 mm e agora está a 800 mm do chão, novidade bem-vinda para motociclistas de baixa estatura. Segundo a BMW, um novo guidão e pedaleiras também foram incorporados para melhorar a ergonomia. 

Pacote eletrônico

Além do sistema ABS integrado, presente em todas as motos da marca bávara, a F 800 R agora passa a contar com outros benefícios eletrônicos que antes se restringiam aos modelos maiores da BMW. Controle de tração (ASC) e a suspensão ajustável eletronicamente (ESA) passam a estar disponíveis como opcionais. Por enquanto, a BMW do Brasil não tem previsão de quando a nova naked chegará aqui. No Canadá, por exemplo, o preço sugerido é de US$ 10.800, o que corresponde a cerca de R$ 25.000. Só para comparar, a geração atual da F 800 R vendida no Brasil custa R$ 36.900.

Mais Imagens
Clique na foto para ampliar
Topo
Publicidade
  • © 2002-2019 SHOPCAR - Sua Referência em Veículos - Classificados de Carros. Todos os direitos reservados