• Quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020

Trinta Vw Amarok partem de Campo Grande rumo ao Chile em busca de alternativa para escoar produção

24/09/2013 - 11:11 - Redação - Foto: Divulgação
Tamanho da fonte:   - +

O Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS (SetlogMS) inicia na próxima sexta-feira, dia 27, a "Expedição Rota da Integração - Ligando Povos, Unindo Oceanos". Com a presença de 90 participantes entre empresários da região, incluindo autoridades civis e políticas, a caravana fará o trajeto de Campo Grande (MS) até os portos chilenos de Iquique e Arica, a bordo de 30 caminhonetes Volkswagen Amarok. O objetivo é a integração com outras nações na busca de um corredor de exportação alternativo para eliminar um dos maiores gargalos logísticos do Brasil. Para se ter ideia, segundo cálculos do SetlogMS, o custo do transporte rodoviário, partindo das unidades produtoras de grãos no Estado de Mato Grosso do Sul, representa de 30 a 35% de valor do produto. Com o novo corredor será possível reduzir em 10% os custos com o transporte, o que impactará numa economia direta de 3 a 5% do valor das exportações dessas commodities agrícolas. "A região Centro-Oeste, celeiro agrícola do Brasil, precisa de novas alternativas para continuar competitiva. Outro ponto positivo é que a rodovia que vai ao Chile está pronta para ser utilizada. Esse rota nos dará maior força econômica", explica Cláudio Cavol, presidente do SetLogMS.

Estão apoiando e expedição o Governo de Mato Grosso do Sul, a FIEMS, a FAMASUL, a APROSOJA, Associação Comercial de Campo Grande, empresas ligadas ao transporte como a Scania, Ford, Iveco, Volkswagen, MAN, Volvo, NOMA, entre outras.

Ao fim da expedição será produzido e disponibilizado um estudo de viabilização da rota, com um documentário em vídeo e fotos.

Topo
Publicidade
  • © 2002-2020 SHOPCAR - Sua Referência em Veículos - Classificados de Carros. Todos os direitos reservados